Óleo Vegetal Mamona (Rícino) Prensado Frio - Extra Virgem (Cód.3456)


R$ 209,75
18x de R$ 11,65 mais juros de cartão
Calcule o frete e o prazo de entrega:

Informações do Produto

Extraído das sementes de mamona, muito comuns na região do Cerrado brasileiro, este é o tipo de remédio caseiro que sempre se deve ter em casa.

O óleo de rícino ou óleo de mamona (ou azeite de rícino ou mamona) é obtido a partir das sementes da planta Ricinus communis, que contém aproximadamente 40-50 por cento de óleo. O óleo por sua vez contém 70-77 por cento dos triglicerídeos do ácido ricinoleico. Diferentemente das próprias sementes desta planta, não é tóxico, pois a ricina não é solúvel no óleo.

O ácido ricinoleico apresenta propriedades antibacterianas, analgésicas e anti-inflamatórias, dessa forma, compressas com óleo de rícino são utilizadas para reduzir inflamações e melhorar a assimilação intestinal.  Além disso, trata com eficácia acne, furúnculos, verrugas, pele seca e dermatites.

Ele ajuda a suavizar a pele seca e irritada. É rapidamente absorvido, estimulando a produção de colágeno, o que reduz rugas e estrias. Tem propriedades emolientes e umectantes que auxiliam na hidratação, elasticidade e maciez da pele, tem ainda a capacidade de penetrar na pele como nenhum outro óleo, e por suas propriedades, é excelente para eliminar bactérias que provocam ou agravam a acne.

No tratamento das micoses, que costumam ser muito resistentes a tratamentos, o óleo tem efeito efetivo, já que sua ação antifúngica já foi comprovada.

Como óleo de massagem, é ótimo para o relaxamento do corpo e para curar inflamações, como artrite, proporcionando uma sensação de bem-estar.

Uma das melhores aplicações do óleo de rícino é para os cabelos. Ele ajuda no fortalecimento do couro cabeludo e no crescimento dos cabelos. Como apresenta propriedades antibacterianas e antifúngicas, devido à elevada composição de ácido ricinoleico, o óleo combate infecções e o crescimento de bactérias e fungos que poderiam impedir o crescimento capilar.

Portanto, se você está com problemas de queda e falhas nos cabelos, o óleo de rícino é um ótimo aliado. Ele ameniza a queda, acelera o crescimento e faz o cabelo crescer mais forte e espesso. O óleo em questão também serve para cabelos ressecados, pontas duplas e doenças no couro, como caspa e coceira. Ele proporciona hidratação, deixando os cabelos sedosos e brilhantes.

O óleo apresenta um odor forte, que pode incomodar algumas pessoas, portanto, evite sua inalação e utilize-o moderadamente.

 

COMPOSIÇÃO DOS ÁCIDOS GRAXOS:

Oleico 3 a 4%
Linoleico 3 a 4%
Mirístico 15 a 20%
Esteárico 1 a 2%
Ricinoleico 70-88%
Palmítico 1 a 2%

 SUGESTÕES DE USO:

  • Para Acne: Lave a face, e coloque uma toalha úmida e quente cobrindo todo o rosto. Faça à noite, antes de ir para a cama dormir. Espere de 2 a 3 minutos, e em seguida massageie uma pequena quantidade de óleo. Só retire na manhã seguinte. Repita 3 vezes na semana.
  • Para os Cabelos: Esfregue o óleo nas mãos, massageie o couro por cinco minutos e deixe agir nos cabelos por mais alguns minutos. Massagear o couro ativa a circulação e ajuda a estimular o crescimento por causa da presença de ácido linoleico (ômega 6), que fortalece e nutri os fios. Pode aplicá-lo de duas a três vezes por semana, usando continuamente por um período de tempo prolongado, pois os resultados aparecem após alguns meses de tratamento
  • Óleo de massagem analgésico
Óleo Essencial de Cravo da India 1%
Óleo Essencial de Alecrim 3%
Óleo Essencial de Lemongrass 3%
Óleo de Copaíba 10%
Óleo de Pequi 10%
Óleo de Mamona qsp 100%
  • Hidratante para os pés
Óleo Essencial de Eucalipto Glóbulus 1%
Óleo Essencial de Cravo da India 1%
Óleo de Mamona 10%
Uréia 10%
Extrato de Confrei 5%
Creme não iônico qsp 100%

Documentação Técnica
Formas de Pagamento | Destilaria Bauru

PAGSEGURO COM PARCELAMENTO EM ATÉ 10X